R-15 ep.01

Este ganhou o premio “anime fanservice completamente nada a ver com censura demais e que a tela quase fica branca”. Ao mesmo tempo que achei ridículo acabei me divertindo, que pelo fato do personagem principal, Okutagawa Taketo, é um escritor de novelas eróticas considerado um gênio com apenas quinze anos, sendo que já escrevia desde o fundamental, é forçada e hilariante, pois o nome da série ser R-15 (geralmente R-18 é uma categoria para identificação de material de conteúdo erótico) é uma referencia a idade do personagem  e o que ele faz.

A idéia do anime é um garoto de 15 anos que virou um escritor de novelas eróticas famoso quando era mais jovem e todos mantinham distancia e o discriminavam por isso. Quando fez 15 anos, entrou no colegial numa escola para gênios, sendo ele considerado um gênio da literatura. Por entrar no colegial, ele julga que conseguirá referencias melhores no colégio privado “Academia da Inspiração”, onde são aceitos apenas pessoas consideradas gênios de todas as áreas, variando de esportes para exatas e até mesmo coisas bizarras, como a que até então pareceu a personagem principal, Narukara Fukune, uma menina gênio do clarinete.

O primeiro episódio mostrou as pessoas que participarão da série, que são:

Tesurou Meguru, um gênio da ginástica

Beni Batan, a artista revolucionária

Musen Ran, a programadora brilhante

Meiki Raika, a fotografa genial

Ensuu Ritsu, o gênio da matemática

Kiya Star, a narradora lendária

Buchou, a presidente do clube de jornalismo que não tem nome.

Sonokoe Utae, a ídolo super dotada

Kagaku Tsukuru, a inventora genial

Narukara Fukune, a gênio do clarinete (que coisa mais aleatória)

E o protagonista, Akutagawa Taketo, o gênio da literatura erótica.

Spoilers

O episódio apresentou as personagens da série sem dar maiores detalhes e mostrando a imaginação de Taketo indo a loucura com fanservice até enquanto o dia passava e ele ia imaginando indecências com suas colegas com o passar do dia. Durante o almoço, ele imagina duas colegas se agarrando e leva uma bronca delas, em seguida sendo defendido por Ritsu mesmo sabendo que ele era culpado. Durante a confusão, ele recebe uma ordem da presidente do clube de jornalismo, que é rica, tem dois seguranças enormes e é extremamente sádica, manda ele escrever uma matéria sobre Fukune.

Taketo sai em busca de Fukune e é acompanhado por Raika, que diz que queria tirar fotos para a matéria dele mas fica tentando fotografá-lo com uma expressão bem perversa para queimar seu filme. Achei ela uma das melhores personagens até agora por em alguns momentos ela ler o que Taketo estava escrevendo, e ao perceber que ele estava usando-a como referencia, diz para ele ir em frente e não perder a chance de deixar seus instintos irem a loucura. Durante a caminhada, Raika sai correndo e quando Taketo percebe um foguete estava perseguindo. Ele então é atingido e Tsukuru aparece dizendo que precisava melhorar a invenção.

Taketo, enquanto inconsciente, tem um sonho com Fukune que não era exatamente uma novela erótica. Ele então lembra do local do sonho e vai até lá, e quando chega, a encontra dormindo. Ele começa a se sentir estranho e então começa a escrever contra sua vontade. Raika o encontra sentado e diz que ele deveria ir a loucura e abusar de Fukune enquanto ela dormia. Ela lê o que ele havia escrito em uma pedra, em seguida fazendo uma cara de nojo e dizendo que aquilo não era o que ele escrevia, complementando dizendo que ele deveria escrever algo indecente, perverso, sem escrúpulos.

Raika olha para cima e sai correndo, e percebendo que aquilo já havia acontecido, Taketo vê um foguete que estava mirando nele, e ao invés de tentar fugir, ele olha para Fukune e tenta protegê-la. Depois da explosão do míssil a menina acorda com ele sobre ela, gritando e saindo correndo. Durante a noite, quando tentava escrever, a presidente do clube de jornalismo aparece no quarto dele e diz que tudo bem se ele não conseguisse escrever. Ele percebe que ela estava de troll e então ela o amarra com um daqueles “nós tartaruga” (por parecer o desenho do casco de uma tartaruga) e fica sadomizando-o.

Fim dos Spoiler

Dando minha sincera opinião, não achei o anime bom. Fanservice demais, apesar de engraçado, a estória é meio forçada e as situações também. Não sei se ela melhorará a ponto de passar uma boa impressão (é indecente e não é essa boa impressão xD) e se a censura ficar ainda mais pesada ficara tedioso por não ficar nada além de faixas brancas na tela, como aconteceu com “Motto: To Love Ru”. A série foi baseada, ao que parece, num light novel para maiores de 18 anos e caso a série venha a se mostrar tão besta quanto o primeiro episódio, ou sentirei pena do novel ou direi bem feito por terem feito uma adaptação porca.

Nota de Aprovação: 6.0 / 10

Advertisements

About Barkk

Ex-redator do blog Yoi Yume
Gallery | This entry was posted in 1º Impression / Impressão, 2011, Comedia / Comedy, Ecchi, Julho/July 2011, Light Novel Based, R-15, Resumo / Summary, Romance, Seinen, Vida Escolar / School Life. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s