Steins;Gate ep.15

Com as coisas começando a se resolver, algumas explicações de Suzuha e Okarin, aparentemente, começando a pedir ajuda dos demais, fiquei com a sensação de que a série poderia acabar em mais alguns poucos episódios, mas como já estão previstos 24, não preciso me preocupar  xD. Acho interessante o fato de Okarin ter voltado ainda mais no tempo e repensado a questão de Suzuha, que por ser um membro do laboratório, ele decidiu que encontrariam seu pai.

Spoilers

Suzuha começa o episódio contando sobre 2036, onde o SERN havia roubado a liberdade das pessoas e todos que se opunham eram mortos, criando uma sociedade de zumbis. Ela diz que fazia parte de um grupo de resistência que desejava mudar aquele mundo morto, e para isso, ela utilizou a maquina do tempo criada por seu pai. Ela então diz que grande parte do que havia dito no @channel era verdade e Kurisu diz que havia discutido com ela várias vezes. Okarin então pergunta se ela era os usuários com os nomes “Arroz de Castanha” e “Kamehameha”. Kurisu diz que já que Titor havia se identificado que ela também deveria fazê-lo. Okarin então diz que ele era Hououin Kyouma e as duas dizem que já sabiam.

Suzuha diz que o SERN conseguiu criar uma máquina do tempo para interferir com a quarta dimensão, o tempo, e recriaram o mapa temporal, e que Kurisu havia sido a maior contribuinte para o projeto. Kurisu diz que não trabalhava para o SERN e que jamais trabalharia para alguém que realizava experimentos em humanos, e recebe como resposta que aquilo foi no futuro. Suzuha então diz que Okarin era um famoso terrorista e que ambos estavam mortos em 2036.

Okarin pergunta se ela voltaria para o futuro e ela diz que iria para 1975, dizendo que o SERN conseguiu criar uma máquina do tempo graças ao microondas que eles haviam criado, e para rastrear, a organização possuía um dispositivo que foi acionado por causa do primeiro D-mail de Okarin. Ele diz que poderiam tentar hackeá-los e ela diz que para isso precisariam do IBN5100, e que ela estava indo para o passado recuperá-lo. Ela então entra na máquina do tempo e diz que havia perdido tempo demais procurando seu pai e que deveria ter ido antes, quando percebe que a maquina não estava funcionando. Nesse momento, guardas que viram as cordas penduradas no térreo se aproximam da sala e são distraídos por Okarin, que da uma brecha para as duas fugirem.

Eles conseguem fugir e começam a discutir o que poderia ter quebrado a máquina. Kurisu pergunta se aquilo havia acontecido por causa do chique de quando ela pousou e Suzuha diz que não e que aquilo havia sido um erro de cálculo, e que provavelmente havia sido por causa da chuva ou de algum raio, fazendo Okarin lembrar do dia em que ela havia desaparecido, e que se ele não tivesse impedido-a, nada daquilo teria acontecido. Eles encontram com Mayuri e Daru e o cientista manda os dois para casa dizendo que ele e suas assistentes precisavam resolver algumas coisas e não poderiam festejar.

Os três vão até o laboratório e Kurisu diz para Okarin voltar no momento em que haviam terminado a máquina, para então usar o tempo limite e voltar 48 horas no tempo. Não seria o suficiente para voltar ao dia da tempestade mas seria o máximo de tempo que conseguiriam ganhar para consertá-la. Ele volta e sem perder tempo leva todos até o local para montar um plano. Daru tentaria consertar a máquina do tempo enquanto Kurisu terminaria o “time leap”. Kurisu diz que seria impossível pois a máquina era de 26 anos no futuro e ele diz que não conseguiriam sem tentar, em seguida dizendo que faria qualquer coisa se Daru conseguisse terminá-la em dois dias. Ele não leva a sério mas percebe pelo estado do amigo, dizendo então para Suzuha que caso ele conseguisse consertar a máquina e recuperar o IBN5100 ele gostaria que ela trouxesse de 1975 algo de uma anime da época.

Mayuri diz que faltava algo e então diz que iria procurar o pai de Suzuha, mas a única pista que ela tinha dele era uma pequena medalha. Algumas horas depois, Suzuha pergunta para Daru como estava indo o trabalho e ele diz que o funcionamento da máquina era parecido com o do microondas. Ele então diz que esperava que o pai dela estivesse por perto e pergunta se ele sabia que eles estavam lá. Ela responde que talvez e que nunca havia conversado nem visto ele. Eles tem uma conversa amigável e ele diz que não diria nada em Okarin, e quando ve, ela estava com lágrimas em seus olhos.

Não sei por que, mas me bateu um pingo de desconfiança e acabei levantando a possibilidade de o pai de Suzuha ser Daru…

Okarin e Kurisu estão no laboratório e então começam a conversar sobre o que eles faziam lá antes daquilo tudo começar. Suzuha aparece e mostra o “medidor de divergência” e leva o cientista até a cobertura, dizendo que por ele havia criado-o e que ele deveria mantê-lo, explicando que se os números passassem de 1% ele conseguiria mudar o futuro. No dia seguinte, os dois andam pela cidade procurando pistas sobre a medalha até que encontram um vendedor de bijuterias, ao qual Okarin entrega o número de celular e diz para ele ligar caso descobrisse algo.

Os dois param para descansar e Suzuha diz que talvez estava destinada a não encontrar seu pai, sugerindo que desistissem da busca. Okarin grita com ela dizendo que não iriam desistir, que ainda tinham um dia e que mesmo a prioridade sendo salvar Mayuri ela era um membro do laboratório e ele queria ajudá-la. Eles então vêem algumas mulheres rindo e quando vêem Mayuri estava distribuindo panfletos dizendo que houve um seqüestro e que a única pista era aquela medalha. Ela diz que era uma idéia dela e que aquilo chamaria a atenção das pessoas, e que aquela era a operação “Grande vitória com os panfletos da Mayuri”. Okarin diz que aquilo poderia ser ruim se eles chamassem a atenção da polícia, e vendo que dois policias haviam pego o panfleto, o três saem correndo.

Eles conseguem fugir e encontram Kurisu num parque. Ela diz que descobriu algo terrível e que umas mulheres no mercado estavam comentando algo sobre talvez o pai de Suzuha ser um seqüestrador. Os três se olham e começam a das risada. Eles vão até o prédio levar comida para Daru, que estava trabalhando sem parar. Suzuha o elogia e ele então diz pergunta por que ela não o ajudava, que no meio do vapor das máquinas eles poderiam esquecer todo o pudor, tirar suas e… é interrompido por Kurisu mandando o pervertido calar a boca. Mayuri então comenta que o dois pareciam ficar incrivelmente bem juntos.

Suzuha conversa com Okarin enquanto todos comiam e diz que estava dizendo aquilo por talvez não ter outra chance depois, dizendo que era grata a todos, que não conhecia ninguém quando chegou lá e ficou assustada mesmo sendo uma era pacifica e que agora possuía muitos amigos. Ela então diz para Okarin mudar o futuro e torná-lo livre e pacifico como estava. O episódio termina com Okarin recebendo uma ligação do vendedor de rua dizendo que havia lembrado de algo a respeito da medalha, então, saindo correndo.

Fim dos Spoilers

Para aqueles que estão acompanhando, notem que “Stens;Gate” foi o único anime da última temporada que continuou e não mudou de abertura. Isso não é exatamente ruim, que na minha opinião a abertura é excelente, e o feeling da música misturado com a animação e o estilo que puxa um pouco do visual novel são o suficiente pra abertura não me deixar de saco cheio. Não tenho certeza, mas a indiretas que o episódio inteiro deu me deixaram com a profunda impressão de que Okarin vai dar um volta gigantesca e acabar voltando para Daru… Bem, aguardemos.

Nota: viva o ducentésimo post!! E ilustração buita de brinde (Huke e fanservice pra vcs   :D)

Advertisements

About Barkk

Ex-redator do blog Yoi Yume
Gallery | This entry was posted in 2011, Abril / April 2011, Animes, Ficção Scientifica / SciFi, Huke, Ilustrações / Illustrations, Resumo / Summary, Seinen, Steins;Gate, Visual Novel Based. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s