R-15 ep.04

Sem muito tempo, então vamos ao que interessa.

Spoilers

O episódio começa com fotos de calcinhas com flashs brancos na frente, e depois, Taketo chegando no colégio pensando como era bom poder fantasiar com fotografias. Taketo encontra com Fukune, que lhe da bom dia e faz com que ele pense que finalmente conseguiu a vida escolar que tanto queria. A menina comenta que seus olhos estavam vermelhos e pergunta se ele havia passado a noite inteira escrevendo, dizendo em seguida que não costumava ler mas gostaria de ler um dos romances do colega, em seguida prosseguindo para o colégio.

Reika sai de trás de uma arvore e pergunta por que Fukune era única que ele queria que não soubesse sobre seus trabalhos, dizendo que ver uma menina pura como ela sendo corrompido era algo horrível que merecia ter fotos tiradas. Quando Taketo chega no colégio, ele abre seu armário e vê uma carta com um coração, achando que era uma carta de amor, mas quando abre, encontra a foto de uma calcinha de urso. Ele mostra para Ritsu e pergunta o que poderia ser, e o amigo então fica inconformado dizendo que aquela garota provavelmente queria pular todas as etapas e ir direto para o **** (:D). O protagonista olha em volta e começa a imaginar quem seria a dona daquela calcinha.

No clube de jornal, que tinha tantas armas que me faz pensar se Buchou na verdade não é um gênio da máfia, Taketo entrega os manuscritos que havia escrito na noite anterior e é elogiado pela chefe. Reika entra na sala e Buchou pergunta se ela havia terminado o seu trabalho, que era um pôster de boas vindas para os novos alunos. A menina diz que não havia terminado pois não estava conseguindo o material que queria. Taketo começa a andar pelo colégio e pensa que não poderia simplesmente sair perguntando de calcinhas alheias, quando uma rajada de vento mágico começa a persegui-lo e levantar todas as saias. Ele é chamado na sala dos professores por causa do número de reclamações sobre ele ficar levantando saias e o salto da professora quebra, o que faz com que ele veja a calcinha dela.

Andando pelos corredores, uma menina de roupas pretas e orelhas de gato diz para Taketo que aquilo era uma maldição, em seguida desaparecendo. Na sala de aula, ele conta o ocorrido para Ritsu, que diz não acreditar em maldições, quando sua calça prende na janela e rasga. Durante a tarde, ele estava andando enquanto voltava para o dormitório e encontra a menina da maldição que após dizer as mesmas coisas, tropeça e mostra um calcinha com um 666 estampado. Taketo encontra uma calcinha no chão e fica todo empolgado, dando uma cheirada e começando a ter suas desilusões. Depois de ter escrito em seu bloco de notas, volta a si e decide levar para o dormitório e entregar para um dos seguranças já que ela poderia ter voado de algum varal. Quando ele vai embora, Reika aparece com a câmera na mão.

Depois do intervalo, Taketo estava com um par de pernas gigantes a sua frente, que abixava a calça e mostrava uma calcinha com bichinhos, ele então acorda e em sua folha estava escrito medo de calcinha (para quem olhar a imagem acho que já pode imaginar de quem era a calcinha de ursinho. No caminho do colégio, ele passa pelas lideres de torcida e depois de olhar as calcinhas quando elas levantam a perna sai correndo pedindo socorro, passando por Ran e levantando sua saia, e na calcinha estava escrito “apenas garotas” (hmm… Yuri Field). Ela fica nervosa e lhe da um chute, que erra por puco e abre um buraco na parede.

Dentro do buraco, estava Tsukuru, que estava com uma máquina recém inventada que criava o “vento mágico”. Taketo descobre que a responsável pela tal maldição era ela, e a inventora diz que Reika havia pedido para ela fazer aquilo. O escritor encontra Reika, e depois de começar a reclamar ela joga várias fotos dele olhando para calcinhas alheias e diz que mesmo depois de ter-lhe mostrado sua própria calcinha o máximo que ele conseguia era aquilo, dizendo que não daria uma boa foto. Ela então desiste de tirar fotos escondidas e diz que ele seria seu modelo para uma foto verdadeiramente horrível, ameaçando espalhar a foto dele cheirando a calcinha para todos.

Reika leva Taketo até o banheiro feminino e diz que aquele era um santuário inviolável e que era para ele ficar louco. Ela o empurra na privada e começa a tirar fotos, mesmo ele demonstrando que não estava nem um pouco animado, dizendo que se uma garota não estivesse usando não era um banheiro feminino. Ela então pensa e percebe que um garoto no banheiro feminino espiando garotas enquanto usavam era algo bem feio, dizendo então que seria a “modelo” dele. Ela começa a tirar a calça dizendo que ela estava disposta a se sacrificar pela arte quando Utae e mais duas garotas entram no banheiro. As duas que estavam com a ídolo vão acusando-o mas ela diz que ele não faria uma coisa daquelas, em seguida deixando-o ir embora sem maiores problemas.

Taketo encontra a fotografa e pergunta por que ela era tão obcecada por fotos feias e ela diz que continuariam no dia seguinte, e quando o escritor pede para ela não envolver outras pessoas ela diz que quando se trata de arte nada é um taboo. Durante a noite naquele mesmo dia, Reika abaixa a foto dela com sua família quando a olha enquanto Taketo escrevia para aliviar o stress.

No dia seguinte, ela o leva até o vestiário feminino com o mesmo papo do banheiro e o escritor diz que ele não era um pervertido exibicionista. Reika abaixa a calça do garoto, e ao ver que ele não estava tendo nenhuma reação pergunta se ele não tinha material e começa a tirar a roupa. Quando vai tirar a calcinha, Taketo tenta impedi-la e ela acaba caindo sobre ele e com o impacto todas as portas dos armários acabam abrindo. Ela começa a se ver nos espelhos e diz para não ficarem olhando. Taketo começa a fantasiar a garota sem roupa cercada por espelhos dizendo que o que ela mais queria era ser vista o mostrar seu lado “feio”.

No dia seguinte, na sala do clube de jornalismo, Reika chega com o pôster terminado, e para a surpresa de Taketo, uma das fotos era ele tendo uma hemorragia nasal num foto que estava sendo tirada entre um par de pernas.

Fim dos Spoilers

Bem, fico sem comentários por aqui pois estou sem muito tempo… mais a noite uparei o post de “Steins;Gate” e deixo o de “Sacred Seven” para amanha.

Advertisements

About Barkk

Ex-redator do blog Yoi Yume
Gallery | This entry was posted in 2011, Animes, Comedia / Comedy, Ecchi, Julho/July 2011, Light Novel Based, R-15, Resumo / Summary, Seinen, Vida Escolar / School Life. Bookmark the permalink.

2 Responses to R-15 ep.04

  1. tachi Himura says:

    the next cap of r-15 when you put? and the cap of Ro Kyuu bu of 3 to 6 episodes

  2. Anonymous says:

    we are working on it right now. About ro kyu bu, i have yet to write about episodes 3 to 6 but tey will be up for sure!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s