Steins;Gate ep.18

Dando quase certeza absoluta, esse foi o episódio mais divertido de Steins;Gate até agora. Continuando a desfazer os D-mails que alteraram a linha temporal, dessa vez foi a vez de Ruka, que depois de ouvir as explicações do cientista aceitou, com uma condição, ele teria que passar um dia com ela como se fosse seu namorado. O ponto do episódio que eu mais ri com toda a certeza foi quando eles começam a brigar por ninguém no laboratório ter experiência amorosa e começam a chamar um ao outro de virgem.

Spoilers

O episódio começa com Okarin no templo falando para Rukako que ela era um homem , e pedindo para que ela não chorasse quando seus olhos começam a lacrimejar, dizendo que precisava que ela voltasse a ser um homem para poder salvar Mayuri. Ele volta para o laboratório e Kurisu pergunta por que ele estava com cara de que havia acontecido um desastre. Ela sorri e diz que ele não conseguia fazer piadas, quando Mayuri entra no laboratório e diz que estava profundamente decepcionada com Okarin por ele ter feito Ruka chorar de novo, dizendo que havia chamado ela para ir no laboratório e ela começou a chorar e dizer que ele havia dito que ela era um homem.

Kurisu também começa a dar um bronca em Okarin e para fugir da situação ele a pega pelo braço e vai para outro lugar conversar. Ele explica a situação para Kurisu, de novo, e ela pergunta se como homem Ruka era parecida com Daru. Os dois param para pensar por um momento e dizem ao mesmo tempo que não era possível. Ele descreve como havia contado para Kurisu e ela diz que aquilo parecia uma “flag” para um evento amoroso. Okarin diz que aquilo era impossível pois Ruka era um homem e a assistente o lembra que aquilo era na última linha temporal, e nesse momento, recebe uma mensagem da menina pedindo para que ele fosse até o templo.

No templo, a menina pede desculpas por ter chorado antes e diz que acreditava nele, mas tinha um pedido, que em troca de voltar a ser homem gostaria que Okarin fosse seu namorado por um dia enquanto dizia que o amava. Okarin pensa em sua cabeça que ela era um homem mas depois de ver a expressão que ela estava fazendo aceita o pedido, perguntando por que ela estava chorando e ela diz que era de alegria.

Okarin encontra Kurisu e conta do pedido de Ruka, e a assistente o caçoa pelo cientista maluco estar indo a um encontro com uma colegial.  O cientista diz que era humilhante pedir dicas para um encontro para sua assistente quando Feyris serve os dois e pergunta se ele iria ao encontro com Mayuri ou Kurisu, que fica encabulada e em seguida nervosa por ele negar dizendo que ela era sua assistente. Kurisu pergunta se ele tinha a técnica suprema (“Kami Nomi zo”??) e ele demonstra certo desprezo pelo que ela disse, da mesma forma quando descobriu que ela freqüentava image boards. Os dois começam a discutir com ela fazendo pergunta dizendo se houvesse outra pessoa que ele amasse e por que ele não saia com ela, quando Daru interrompe a conversa querendo saber o que estava acontecendo.

No laboratório Daru começa a dizer que poderia ajudar dizendo várias garotas que havia beijado, em jogos. Okarin começa a procurar programas para fazer na internet e ve que todos são muito caros. Ele começa a dizer para a assistente que era um cientista maluco com Q.I. de 170 como Izac Newton e que não tinha tempo para mulheres, quando ela o chama de virgem. Ele retruca perguntando se ela tinha tanta experiência assim mesmo estando atarefada com estudo e pesquisas dizendo que ela nunca havia ido a um encontro. Ela perde a calma e pergunta o que havia de errado em ser virgem, fazendo uma expressão tímida enquanto os outros param tudo o que estavam fazendo, até mesmo Daru com seu eroge.

Eles vão até o restaurante de lamen que sempre comiam enquanto Kurisu lia uma revista de como ir a um encontro, onde estava dizendo que para um encontro ele deveria se vestir de forma atrativa, não dependendo de marcas, mas ficando apenas bonito. Ela continua e diz que não precisava ser um lugar caro, mas um lugar agradável que ele conhecesse. Kurisu diz que não poderia ser aquele restaurante de jeito nenhum, enquanto a dona olhava feio para ela, e as outras opções eram o “May Queen” ou a loja de armas que ele comprava bugigangas. Daru começa a dar sua opinião pensando em um eroge e no final sai correndo amaldiçoando a vida real.

Eles compram um terno e Kurisu ajuda Okarin a terminar de se arrumar, entregando-lhe um lenço e dizendo que ela e Daru ficariam de olho nos dois. No ponto de encontro, Okarin chega mais cedo e logo que Ruka chega eles ficam numa situação meio entranha, tanto que não falavam um com o outro como normalmente faziam. Andando pela rua, Okarin tenta bancar o cavalheiro mas acaba falhando todas as vezes. Os dois então vão para um café que o cientista havia encontrado e ficam ambos calados sem encontrar um bom assunto. Enquanto iam embora, Mayuri vê os dois mas reconhece apenas Ruka.

Enquanto andavam pela rua, Ruka pergunta se Okarin lembra como havia se conhecido, dizendo que ele espantou dois homens que queriam tirar fotos dela em Akihabara. Ele se lembra, mas na linha original, que ela diz que apesar de não parecer era um homem, e ele responde que aquilo não importava, e quando para para pensar, ela estava falando dos acontecimentos da outra linha, o que era semelhante ao que aconteceu com Feyris. Eles chegam no templo e ela começa a chorar dizendo que estava feliz por ele ter sido seu namorado por um dia, entregando o numero do Pager de sua mãe no passado.

No laboratório, Daru e Kurisu preparam uma mensagem para parecer que a anterior havia sido um trote e ao ver o chefe cabisbaixo, ela pergunta o que havia acontecido. Mayuri entra no laboratório toda feliz dizendo que havia visto Ruka num encontro com alguém e não acredita que era Okarin quando Daru diz. O cientista repete depois de Mayuri que aquele não era ele mesmo. Ele coloca suas roupas de sempre e vai correndo até o templo, onde diz para Ruka que o encontro ainda não havia terminado e que ele estava confuso com a situação. Ele diz que ele era ele e ela era sua aluno, então mandando ela pegar a espada para continuar com o treino. Daru, Mayuri e Kurisu vão até o local e depois de verem que estava tudo bem vão embora.

Depois de treinarem, Ruka diz que o computador que ele estava procurando estava lá até o ano anterior, e que por culpa dela ele acabou quebrando enquanto ela fazia um limpeza no depósito. Ela então pede para que ele salvasse Mayuri e agradece, dizendo para que ele fosse logo se não ela iria começar a chorar. Ela então diz algo que não queria dizer antes, “El Psy Congre” e é corrigida, pois a forma correta era “El Psy Congroo”. Ela começa a repetir e então o abraça, dizendo que não queria voltar pois não poderia amá-lo caso o fizesse. Ela diz que depois de tudo que haviam feito juntos teria decidido não ter virado uma garota se soubesse que iria sofrer daquele jeito. Okarin diz que independente dela ser homem ou mulher, ela seria sempre Rukako para ele, e ela então pede para que ele se lembrasse de como ela era naquela linha temporal. Ele promete não se esquecer e então Kurisu envia o D-mail.

Depois de alterar a linha, Ruka pergunta se havia algo errado e Okarin diz em sua cabeça que Ruka possuía modos e a voz de uma garota, e que conseguia ser mais feminino que qualquer mulher, e então pergunta se ele(a) gostava dele. Ruka por um momento fica sem jeito e pergunta o que ele estava querendo dizer, e depois de repetir a pergunta, ele responde que admirava o cientista, fazendo com que ele completasse a frase que disse em sua mente dizendo que aquela pessoa era um homem. Chegando no laboratório, ele vê Mayuri costurando feliz, Kurisu lendo com um sorriso no rosto e Daru usando o computador, dizendo então que faltava apenas mais uma mensagem para ser desfeita.

Fim dos Spoilers

Eu ri com esse episódio, ao mesmo tempo que lamentei a pior trap que já vi em minha vida voltar a ser uma trap  >.> . Caminhando para os finalmentes da série, o próximo episódio Dara enfoque para Moeka, que aparentemente ira gerar maiores problemas pelo simples fato de até agora ela ter sido o antagonista responsável pela morte de Mayuri.

Advertisements

About Barkk

Ex-redator do blog Yoi Yume
Gallery | This entry was posted in 2011, Abril / April 2011, Animes, Ficção Scientifica / SciFi, Resumo / Summary, Seinen, Steins;Gate, Visual Novel Based. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s